Jovens, Sois Fortes

domingo, setembro 4th, 2016

Texto Bíblico: 1 João 2: 12 – 17

Introdução
A primeira carta de João foi escrita pouco tempo depois do ano 100 d.C., e teve os cristãos de Éfeso como seus destinatários (mais detalhes no áudio do sermão).

Para o apóstolo João era extremamente importante que os cristãos da carta lembrassem da posição e dos benefícios que eles têm em Cristo, uma vez que isso seria uma defesa contra o erro e o pecado.

Outro detalhe que precisamos atentar nessa carta é que os três grupos mencionados por João no capítulo dois, na realidade, são o mesmo grupo (cristão de Éfeso).

Com base nas prerrogativas acima, temos os seguintes pontos e reflexões sobre o texto.

1. Somos filhos de Deus porque fomos perdoados (1Jo 2:12).

  • Mediante Jesus Cristo (Lc 24:47; Atos 13:38);
  • Ser perdoado é ter paz com Deus, vivendo uma vida de comunhão e intimidade com Ele

2. Conhecemos Deus quando somos “Um” com Ele (1Jo 2:13).

  • A única maneira em que podemos mostrar que conhecemos a Deus é obedecendo a Sua Palavra (seus mandamentos);
  • Conhecer alguém implica em tornar-se íntima dela – Ser “um” com essa pessoa;
  • Esse conhecimento deve ser crescente em intimidade com Deus

3. A vitória contra o maligno é consequência de uma vida de intimidade com Deus (1Jo 2:14).

  • João fala da luta contra o mal como uma luta pessoal;
  • Ele vê o mal como um poder pessoal que procura nos derrotar e nos afastar de Deus;
  • Em Cristo recebemos poder que nos capacita para vencer os ataques do mal.

4. Em que consiste a força dos jovens (1Jo 2:14).

  • A mocidade é o período de maior vigor físico na vida de um ser humano;
  • Quando o autor usa o termo “fortes”, está associando o vigor físico a uma vida de intimidade com Deus, através do conhecimento da Palavra.

5. Não há relação entre a Igreja e o mundo (1Jo 2:14).

  • O termo “mundo” aqui pode ser entendido como “o mundo afastado de Deus”;
  • Não há qualquer relação entre eles, porque são mutuamente excludentes: Ama-se a um – Odeia-se o outro, e vice-versa;
  • O homem do mundo passa;
  • O homem de Deus está seguramente alegre para sempre, porque faz a vontade do Pai

Conclusão
A vida de um jovem cristão é cheia de vigor porque:

  1. Ele foi remido pelo sangue de Cristo na cruz e, por isso, se tornou filho de Deus;
  2. A palavra do conhecimento de Deus permanece com ele, numa vida de obediência e intimidade com Deus;
  3. Não há espaço para o maligno em sua vida; e
  4. Sua vida prioriza o Reino de Deus, que permanece para sempre.

“Seja um jovem para frente, mas sem deixar Jesus para trás” (Pr. João Campos).

Por Linaldo Lima
Site Oficial: linaldolima.com
E-mail: linaldolima@gmail.com
Baixe o nosso Aplicativo para Android: Clique Aqui!
Facebook: https://www.facebook.com/linaldolimaoficial2
Twitter: https://www.twitter.com/linaldolima 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *